A temida chuva de granizo

20 Mai, 2019

As chuvas de granizo são um dos eventos da na natureza que tem ocorrido com mais frequência, especialmente nos estados do sul do Brasil. Também conhecidas como chuvas de pedra, elas resultam do encontro de massas de ar muito geladas com a umidade ou nuvens existentes na região e são causadoras de grandes prejuízos.

Dentre os bens que costumam ser danificados e que podem estar protegidos por seguros destacam-se:

• Veículos
Automóveis, motos, utilitários, caminhões, ônibus e rebocadores, dentre outros que costumam ficar com a lataria cheia de pequenos amassados que precisam ser recuperados, juntamente com a pintura. Também pode ocorrer quebra de vidros e para brisas. Eles estão protegidos pelo seguro Auto.

• Residências
Casas, edifícios, galpões e prédios que abrigam as mais diversas empresas, indústrias, comércios e escritórios são outro exemplo. As telhas e calhas são danificadas e, principalmente, se houver vento, vidros podem ser quebrados. Isto pode resultar em entrada de água de chuva e danos pela molhadura ou alagamento de espaços internos. Para tudo isso existe a proteção dos seguros residenciais, empresariais e de condomínios.

• Propriedades Rurais
Os seguros destinados a propriedades rurais também garantem danos causados por granizo às benfeitorias, equipamentos e até mesmo a morte de animais de criação. As chuvas de granizo também podem costumam causar danos às plantações. Muitas delas, como as culturas de soja e cebola, estão protegidas por seguro. O mesmo ocorre com plantações de eucaliptos e pinus.